Próximo destino : Japão!

Olá pessoal! Vou contar a vocês como surgiu a ideia de ir ao Japão e como esse sonho se tornou mais real do que eu imaginava!

A minha vontade de viajar sempre foi muito grande, conhecer novos lugares, novas culturas, novas formas de arte… mas o grande impasse sempre foi : como?? Um belo dia meu namorado me ligou perguntando se eu tinha recebido um e-mail sobre intercambio no Japão, eu tinha recebido, mas como eu sempre ignoro essas mensagens tipo spam eu deixei passar despercebido e pedi para q ele me enviasse. De primeira ele resistiu um pouco, com medo de que eu mergulhasse nessa ideia, mas ele me enviou e depois de ver que eu realmente queria aquilo e que seria muito bom para mim, ele vem me apoiando muito!

O proposta de intercambio que eu recebi foi de fazer arubaito no Japão durante 3 meses mais ou menos, e para quem não conhece, arubaito (do alemão arbeiten, trabalho) representa trabalhos temporários realizado principalmente por estudantes ou estrangeiros que vão para trabalhar e/ou conhecer o Japão. Atualmente, muitas empresas japonesas aderem essa nova proposta de emprego, principalmente no final do ano, época em que os trabalhadoras brasileiros (dekasseguis) retornam ao Brasil para festejar com seus familiares e acaba ficando um deficit de mão de obra nas fábricas.

Bom, depois de me interessar e pesquisar muito, em abril desse ano comecei uma busca pela melhor agencia para contratar. Uma dica muito importante: pesquise muito e converse com pessoas que já foram por essa agencia para saber como ela funciona e se é confiável! Depois de escolher a agencia que melhor me atendia, recebi a notícia que haviam alguns valores que antes era possível pagar durante da viagem (com desconto no salario), mas que hoje muitas empresas no Japão não abrem mais essa exceção por alguns problemas que eles já tiveram ( e infelizmente por causa de alguns, todos pagam o pato), e há um valor para desembolsar antes da viagem. Então era hora de conversar com a minha mãe para ver se esse sonho era viável no momento, e para a minha não surpresa, minha mãe me abraçou e falou que ela daria um jeito, mas que eu realizaria o meu sonho (MINHA MÃE REALMENTE É DEMAIS!!). E o corre corre atrás dos documentos deu-se início para a minha grande felicidade!!

Por hora é isso, acompanhem os próximos capítulos, rs!

Gostou do nosso post? Compartilhe com seus amigos!
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *