Onde comer em San Andrés

Dicas, sugestões e preços sobre lugares onde comer em San Andrés!

Olá viajantes! Uma das coisas que mais me encantam numa viagem é a gastronomia com todo o seu encanto e diversidade! E sendo assim, é uma das primeiras coisas que eu pesquiso quando eu escolho o destino! Confira a seguir a nossa viagem gastronômica caribenha, intencionalmente a ordem é do maior ao menor encanto!

  • La Regatta

    O mais famoso da ilha, antes de pisar na ilha já fomos bombardeados com sites e blogs dizendo “Vá ao La Regatta” e para não correr o risco, já reservei nosso jantar romântico desde o Brasil pelo site.

    O restaurante é bem concorrido à noite e fica no centro da ilha, perto do Tonino’s Marina.

O local é um charme! É um restaurante flutuante, rodeado pelo mar do Caribe, com muitas luzes, cores, vários itens de decoração marítimo que encantam ainda mais o restaurante.

Como eu gosto de planejar tudo e verificar se está tudo ok antes, pedi reforçadamente uma reserva na área externa do restaurante, pedi pelo site, confirmei por e-mail…mas no dia, adivinhem? A reserva foi feita na parte interna, reclamei e a moça me informou que não tinha mais lugar externo. Por sorte, essa foi a melhor opção já que durante o jantar acabou chovendo, rs! A vida conspirando a nosso favor, hehe.

Pedimos o prato Fiesta Nautica ($ 79.400) que é um mix de frutos do mar (camarões, lula, mariscos, lagosta e peixe) – aliás, para dois amantes de frutos do mar, a gastronomia nos abraçou bem apertado! O prato é bem servido e dá para 2 pessoas e eu recomendo muito, muito bom!

De entrada uma porção de fruta pão (que mais parece uma mandioca sem sabor) e para acompanhar o prato principal veio arroz de coco, nas bebidas o Ura foi de cerveza Club Colombia ($7.500) e eu pedi a famosa limonada de coco ($11.000).

  • Peru Wok

    A decoração do restaurante não tem nada de mais, mas olha essa vista!! Fomos almoçar por lá com base nas recomendações e fizemos questão de ficar no balcão da área externa só para ter o privilégio da vista e desta experiência!

O restaurante fica no centro, perto do Coco Loco e mais próximo à praia Spratt Bight.

O Ura foi de Arroz con Mariscos al Estilo Peruano ($ 33.900), arroz com camarão, lula, polvo e queijo parmesão..divino! e Club Colombia ($7.900)

Pedi o Pescado a la Chorrilana ($ 33.900), com um tempero incrível e o camarão de lá, aliás..da ilha inteira, tinha uma textura surreal! E a limonada de coco ($ 10.900) foi a melhor da ilha!!

Os pratos vieram muito bem montados, e pode não parecer mas vem muita comida! Se não fosse o preço, voltaríamos diversas vezes!

  • Beer Station

    Um dos nossos lugares preferidos na ilha! À beira da praia principal e com porções muito bem servidas e bem boas, estilo Outback. Local descontraído, com área interna e externa com música e o som do mar para melhorar!

Fomos duas vezes à noite para comer porções, o Ura sempre nas cervezas e eu nas bebidas diferentes, se bem que na foto só está a limonada, rs…mas no outro dia pedi a lulada – suco de lulo, uma fruta típica que parece com o nosso kiwi.

As porções giram em torno de $ 30.000 e servem tranquilamente duas pessoas!

  • Hotel Calypso

    Nosso melhor achado graças ao grupo de viajantes San Andrés do facebook! Olha só essa vista e esse mar de fundo! O restaurante fica no 9º andar e não é preciso ser hóspede para almoçar por lá.

Confesso que nem pesquisei sobre a comida, quando eu vi essa vista já botei na cabeça que teríamos que ir lá! É um dos pontos mais altos da ilha frente a praia, visto que há poucos prédios da mesma altura por perto.

O hotel fica de frente para a praia Peatonal, na recepção é só informar que irá almoçar no restaurante do hotel que eles dão as direções. O almoço tem preço único de $ 28.000 e inclui um caldo de entrada, salada, prato principal (carne, frango ou peixe) com patacons (feito de banana) e água/chá à vontade.

A comida não tem nada de mais, é boa e bem servida! Mas o que mais surpreende é o mar do seu lado, o ângulo que se tem para ele e o excelente o atendimento! Fomos até convidados a usufruir a piscina deles após o almoço, é claro que usamos, rs. Aproveitamos o luxo e descansamos um pouco.

  • The Islander

Foi um pouco difícil achar o restaurante e parecia não chegar nunca, rs, então a dica é procurar pelo Decomeron Isleño, pois descobri depois que o restaurante faz parte dele. Fica no centro em direção ao aeroporto.

Tem várias pranchas de surf na entrada de decoração e vários itens dentro que dão um ar praiano ao restaurante, além de ficar de frente para a orla.

Assim que entramos percebemos uma mesa cheia de pessoas vestidas de branco e super alegres e a minha intuição não falhou, eram brasileiros que tinham acabado de se casar na praia!

De entrada pedimos empanadas de siri (o Ura tava querendo encontrar um lugar com isso desde o começo da viagem) – Empanadas Isleñas ($ 15.000) e veio uma porção de pães com manteiga também.

O prato principal pedimos o Arroz Meloso ($ 40.000), um risoto com frutos do mar e pedimos para dividir em dois pratos, de bebidas uma limonada ($ 7.500) e um Jugo de Lulo ($ 8.500).

O local não é uma das opções mais baratas, a comida é ok, mas nada de mais…o ambiente faz valer a pena!

  • 80’s

    Uma das opções em conta no centro da ilha! Estilo PF, salva as refeições baratas para balancear os outros dias, rs. Comida ok, mas bem simples: arroz, feijão, salada e um nuggets gigante de frango ou peixe. ($ 22.000)

  • Miss Celia

    Ouvi muitos viajantes dizendo para ir ao Miss Celia e pedir um prato só que dava para duas pessoas e a comida era boa…não sei se era um mal dia ou fizemos a escolha errada. Mas achei o prato bem estranho, pedimos o prato de Caracoles, pedimos explicação do prato e acabamos não entendendo e decidimos arriscar.

Má ideia, rsrsr. O tal do caracoles parece uma lula com textura estranha, tempero diferente e o pior foi o suco…eles tem um cardápio gigante de frutas típicas para suco e eu fui escolher bem o que vem com leite (não estava mencionado no cardápio).

Final da história: Não gostamos e não recomendamos, nossa experiência não foi das melhores lá.

  • La Sanducheria

    No quesito lanche, o La Sanducheria salvou nossas tardes de fome! Por $10.000 bem um lanche grande com vários ingredientes e molhos especiais! Tem um quiosque perto da praia e outro perto das lojas do centro, mas não tinham um horário e dia certo para abrir.

  • El Corral

    Não sou fã de lanches, então fui bem resistente durante a viagem, mas no aeroporto a pressa e a fome me fizeram render! Tem um El Corral do lado do Beer Station, é tipo Mc Donalds, mas com o refri de Manzana rosa! Os lanches giram em torno de $20.000.

Em geral há restaurantes mais famosos e um pouco mais caros e aqueles que salvam nosso bolso! Como ficávamos fora durante todo o dia e a maioria dos passeios envolvia mar e/ou barco, nós não enchíamos muito a pança para não passar mal, então a maioria dos pratos nós dividíamos e não ficávamos com fome!

Em West View, por exemplo, comemos em um restaurante na frente e dividimos um prato de Pescado Frito ($ 23.000) com medo de passar mal no trampolim e no tobogã.

À noite, preferíamos ir para o centro comer algo rápido ou então utilizar a cozinha da pousada e fazíamos mercado no Supertodo e conseguíamos fazer uma janta completa (prato principal e bebidas) para os dois com $20.000.

Gostou do nosso post? Compartilhe com seus amigos!
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someone

23 thoughts to “Onde comer em San Andrés”

  1. Nossa, não sabia que se comia tão bem por lá. Também gosto de experimentar tudo da gastronomia local quando viajo e já vi que na Colômbia não vai ser sacrifício.
    O refrigerante de maçã é bom? Haha tô curiosa! Adorei o post, parabéns!

    1. Oi Glaucia, tudo bem?
      Frutos do mar não tem como errar né? E eu que troco fácil carne por peixe, foi o destino certo! rs
      O refrigerante é bom sim, é bem doce na verdade, mas a cor rosa dele chama a atenção e dá a vontade de experimentar, hehe

      Abcs,
      Pri

  2. La Regatta e Peru Wok, são os melhores na minha opinião! Fui umas 3 vezes em cada um deles kkkkkkk eu sei que variar é legal, mas a vista do Peru Wok é maraaaa e os pratos do La Regatta arrasam! saudade dessa ilha!!!

  3. Excelente guia gastronômico. Não fazia a mínima ideia que se comia bem em San Andrés. Por pouco, a ilha não se tornou o nosso destino no carnaval de 2018. Não deu certo desta vez, mas espero ir em um futuro próximo e, sem dúvidas, estas dicas de restaurantes serão fundamentais!!!

  4. O Peru Wok e o Lá Regata eram perto do meu hotel,mas só fui no último pq eu estava em All inclusive. Adivinha? Não fiz reserva e sentei na área externa do Lá Regata. Amei o prato e comer com as Arraias passando embaixo!

    1. Aninha,

      na minha opinião, esses dois são os melhores na ilha!! Que sorte! Vi que muitas pessoas deixam para fazer reserva lá ou na hora e não conseguem, imagina…chegar lá e não ter vaga, não quis correr o risco, rsrs
      Mas o movimento maior é a noite. Experiência maravilhosa mesmo!!

  5. Acabei de jantar, mas mesmo assim fiquei com água na boca. Pode? San Andres, pelo visto, tem boa gastronomia e, com esse post, já sei precisamente como encher minha pança lá! Muito obrigado pelas dicas, Pri!

    1. Igor,
      Te entendo, rsrs. Os posts de comida são os mais difíceis de escrever, pq além da fome vem a lembrança dos sabores, rsrs.

      Abcs,
      Pri

  6. Tenho acompanhado tudo aqui sobre San Andres… e agora já sei onde comer bem kkkkk! Olha… quando chegar perto de minha trip voltarei aqui pra relembrar tudo. Vcs fizeram um guia super completo. Parabéns

  7. Dicas culinarias! Meu, que delicia! Nem estava com fome mesmo, mas ta valendo! Viajar para algum lugar, sabendo onde comer bem, sempre eh muito bom! Quando formos, com certeza usaremos bastante suas dicas! Muito obrigado ae!!!

  8. Ai que arrependimento hahaha vim aqui bem na hora do almoço! Socorro kkkkk
    Quanta delicias, adoro turismo comilônico! Afinal, tem tudo a ver c as viagens ne? Viajar e comer são duas delicias da vida! E ter recomendacoes de restaurantes bons é melhor ainda! Ja cai em alguns furadas, entao adoro pesquisar antes de ir em um. Aqui tem otimas dicas! Bjao

    1. Olá Ludmilla, tudo bem?

      hahaha fico feliz que os posts estejam te ajudando! 🙂
      Os valores estão na moeda local de lá (COP – pesos colombianos).

      Abcs,
      Pri

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *